sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

A vida é uma novela


Eu sempre achei que eu afastava as pessoas
que eu era o penetra
Mas nunca foi isso
Eu que faço questão de excluir as pessoas que me cercam
como se fizessem parte de um "resta um". E o pior
que na maioria das vezes, nem esse "um" resta no final.
E eu acabo me arrependendo, me isolando, entrando em crises e voltando pro ponto "zero"
Acho que chegou o momento de acordar
Porque esse papel já pertence a muitos atores
e não quero fazer parte desse elenco.

2 comentários:

Iana Carolina disse...

Esse é simples:
Não quer fazer parte desse elenco? Não faça!
E é até bom mesmo... novela das 6 nunca faz sucesso. O negócio (não o da China) é ser das 9. É ser teu. É sentir o próprio brilho, antes de querer que o outro sinta. E a gente vai seguindo e as coisas, num caminho torto que só, vão dando certo do jeito errado.

Além do mais, eu nunca conheci ninguém que conseguiu fazer restar só um, no final.

Beijos, babé!

Iana Carolina disse...

O blog tá massaaa!

◇ É passado, mas não esquecido